domingo, abril 12

Dias de culto

Igreja de Almendra. Vila de amêndoas. Doces. Vila de amigos. Queridos. Vila de tradições. Senhora do Campo. A padroeira. A sua festa comemora-se por estes dias.
Em Almendra o Compasso Pascal não vai às casas. «Há mais de 40 anos... menina! É verdade! Já não há padres suficientes. O nosso, é nosso e de mais sete freguesias aqui ao redor. Anda sempre a correr e já tem mais de 70 anos!», explica-me a Senhora Dona Conceição.

imagem: Filipe Pereira

4 Comments:

Eduardo Baltar Soares said...

adoro almendra marta. obrigado pelas imagens. adoro a estação dos comboios. e escarigo? estiveste em escarigo? líndissimo!

Marta said...

Não acredito, Eduardo!!!! :)

Que te diga? Não sei!

A estação de comboios..."para quê o trilho, se não passa o trem?" como diz o "meu" Zeca Baleiro!
Olha: tanto tudo íssimo...

Que te diga? Não sei!

Temos de conversar... Se eu tiver palavras!!!

Mímica...serve :)?

beijo, de almendra!

Claudia Sousa Dias said...

eu jurava que er acomo no mInho...


csd

adevidacomedia said...

Ai esta terra! Estas gentes, estas vidas, este bem receber, este bem que faz, este sempre regressar. E viver!
Beijos, mana linda