segunda-feira, novembro 1

Dieta emocional II

Estão a ver aquela dieta emocional ali em baixo? Pois é! Não funciona. São imensas as contra-indicações. E, por estes dias, quase morri. A razão a cem por cento tem de ser recuperada de outra forma. É uma ideia muito romântica e muito bem intencionada. Mas nada prática para quem não vive sem jazz. Não podemos ir contra a nossa natureza. Essa é que é essa!

4 Comments:

MCS said...

Lá, lá, lá, lá...

Marta said...

:) :) :)

pois é! não fui bem sucedida!

Carlos Azevedo said...

Se não vives sem jazz, vives muito bem! ;)

Anónimo said...

Realmente eu não te estava a imaginar sem o teu jazz...e sublinho o teu porque há outro que nós sabemos que te irrita... LOLOL
bjo
Cris