segunda-feira, novembro 22

Dou-te um Verso

É uma agenda intemporal. Linda, linda. Os dias, postos assim, têm poesia assegurada. Ao que li, começa com Cesariny e, entre outros, conta com poemas de Maria do Rosário Pedreira. Por mim, já está bem. E para quem não se organiza sem agenda de papel este, por exemplo, é um excelente presente de Natal. Perceberam, família? Se não perceberam espreitem, por favor, a etiqueta.

2 Comments:

Anónimo said...

Já registei, tá?!!!
E que pausa é aquela no FB?
P.

Sonhos & melodias said...

Menina gostei disso! Quero uma agenda também.
Bjs