terça-feira, janeiro 12

poesia de João Negreiros no TUM


[clicar no cartaz para aumentar]
diz assim:
«Depois do grande sucesso de “Inspiração é Respirar”, o Teatro Universitário do Minho aborda de novo o imaginário lírico de João Negreiros. O espectáculo é uma fusão de poemas antigos e inéditos. O naturalismo, a emoção aliados à dimensão sonora da poesia dão a toda a performance uma sensação visceral e palpável, aproximando os poemas dos anseios, medos e problemáticas do próprio público.
É um espectáculo alegre e soturno, épico e intimista, hilariante e dramático. As vozes de tessituras diferentes fornecem uma paleta sonora muito abrangente dando cor e alma à literatura que já de si a possui. Momentos únicos com os quais o público se identificará.
É a poesia para pessoas primeiro e para poetas depois.
É a poesia para pessoas primeiro e para leitores depois.
É a poesia para pessoas primeiro e para pessoas agora.»

3 Comments:

Sonja Valentina said...

adoraria ir... mas é longe. já desafiei o João para vir a Lisboa! =))

Dina Maciel said...

Olá, este espectáculo irá a Lisboa no início de Abril, estará em itinerância pelo país. Quando o Teatro Universitário do Minho for a Lisboa com a poesia de João Negreiros deixamos informação para que possa ir.
Até breve
Dina Costa (TUM)

Afonso said...

Muitos parabéns à equipa do TUM, finalmente uma companhia de teatro que faz teatro, que realmente chega às pessoas, que não se limita demonstrar uma expressão de sentir fora de si, alienada do verdadeiro sentido das palavras. Será certo que o facto de serem dirigidos por esse talento da natureza João Negreiros, o qual admiro profundamente a sua obra, quer poética e dramática.
Muitos parabéns ao João Negreiros e ao TUM. Foi surpreendente este espectáculo, é de uma clareza sublime.
Continuem. Espero ver-los a crescer como têm feito até agora.
Estão todos de parabéns, eles por entenderem quem é o poeta, e a urgência da poesia. E o João por ser excepcional em tudo que faz. Já vi outros espectáculos seus, e é reconfortante ver uma corrente a crescer, para mudar isto para melhor.
parabéns a todos.
obrigada João Negreiros, obrigada TUM. Continuem,espero ver-vos em breve nas fnacs tal como o vosso espectáculo anterior.
Afonso CBarreto