terça-feira, maio 31

Sabes de onde veio o teu nome?


[...]

Sabes de onde veio o teu nome?

Chegou ao mundo como o tigre e a esmeralda, cumpriu a

imensa viagem

pelos rios e pelas perguntas,

atravessou feridas e penínsulas, chegou tão devagar

como uma mulher ou uma espiga. Andou ardendo

pelas raízes, pelas algas, pela tristeza e pelo barro,

voltou cheio de paz e está agora dançando entre as minhas

pálpebras.

[...]

Joaquim Pessoa in NOMES, Litexa Editora, 2002

2 Comments:

Luis Eme said...

gostei de saber (e da tua música, Marta).

Marta said...

é sempre bom ficarmos a saber dos poemas de Joaquim Pessoa. um dos meus poetas de eleição.