quarta-feira, março 9

Estar contigo ao acordar


Estar contigo ao acordar, ver como
se abrem as tuas pálpebras, cortinas
corridas sobre o sonho, sacudir dos
teus lábios o silêncio da noite para
que um primeiro riso me traga o dia:
assim, amor, reconheço a vida que
entra contigo pela casa, escancara
janelas e portas, deixa ouvir os pássaros
e o vento fresco da manhã, até que voltas
para junto de mim, e tudo recomeça.

Nuno Júdice

poema desviado daqui

imagem: Vieira da Silva

2 Comments:

josé luís said...

se a palavra vale mil imagens, esta é uma das melhores :)

PAS[Ç]SOS said...

ao abrir cada portada
a expectativa controlada
de ver o dia entrar em corrida
pelo corredor que te estendo...