segunda-feira, agosto 2

Há doenças piores do que as doenças

Há doenças piores que as doenças,
Há dores que não doem, nem na alma
Mas que são dolorosas mais que as outras.
Há angústias sonhadas mais reais
Que as que a vida nos traz, há sensações
Sentidas só com imaginá-las
Que são mais nossas do que a própria vida.

Há tanta cousa que, sem existir,
Existe, existe demoradamente,
E demoradamente é nossa e nós...
Por sobre o verde turvo do amplo rio
Os circunflexos brancos das gaivotas...
Por sobre a alma o adejar inútil
Do que não foi, nem pôde ser, e é tudo.

Dá-me mais vinho, porque a vida é nada.

Fernando Pessoa in Fernando Pessoa Quando fui outro, p.62, Editora Objectiva, Julho de 2010

imagem: Catarina Poderoso

3 Comments:

Carlos Pires said...

PENSAMENTO

Modo de pensar alternativo:

Tão belas são as coisas do mundo,
em sinais e números,
em formas e matizes,
que penso podermos ser reis
coroados,
sábios,
felizes!

Robert Louis Stevenson

Anónimo said...

que pensamento tão bom, Carlos :)

marta

Carlos Pires said...

"Modo de pensar alternativo:" deveria ter sido escrito antes do título "PENSAMENTO".