sábado, junho 18

Comovida e grata


[...começei a lê-lo, no comboio, mesmo mesmo a chegar a V. N. de Gaia
e terminei aqui, na Foz do Douro, com os olhos na Afurada...comovida e grata a J. Rentes de Carvalho...]

3 Comments:

fallorca said...

Se for descafeínado, aceito

Beatrix Kiddo said...

ah, já vi que sim :)

Beatrix Kiddo said...

que belo sítio