quinta-feira, junho 23

Bom São João para todos...


São João se eu pudesse
Dizer-te tudo o que sinto
Poderias compreender
O porquê quando te minto

Há quem fuja de leões
Eu fujo do seu olhar
O que sinto é fogueira
Que não dá para saltar

E se esqueço o seu abraço
Ou se o finjo esquecer
É porque sei que é de aço
O que sinto por arder

Guardo-o bem aqui,
Junto do meu coração
Só não o deixo entrar
No meio da confusão

Por isso meu S. João
Faz-me um grande favor
Proteje a vida inteira
Deste meu quase amor

[versos deixados o ano passado por um visitante anónimo deste blog]

5 Comments:

fallorca said...

O manjerico cheira-se com a mão em concha, sabia? Há mulheres que nunca receberam flores, fiufiu...

João Menéres said...

Infelizmente, nem posso ir prá NOITE...

E os manjericos, segundo uma nova versão, devem ser regados diariamente na terra.
Colocar o vaso num prato com água é matá-los.
Não podem ser cheirados !
É como disse FALLORCA.

Um beijo joanino.

Anónimo said...

Tão bonito o que diz Fallorca!

fallorca said...

João Menéres e Anónimo/a, não descobri nada, revelou-me «A Mulher Que Nunca Recebeu Flores»
Bom S. João para todos, Amigos da «Inbicta» :)

Marta said...

:)))