quarta-feira, dezembro 30

desejo [vos] para 2010


Desejo primeiro que você ame,
E que amando, também seja amado.
E que se não for, seja breve em esquecer.
E que esquecendo, não guarde mágoa.
Desejo, pois, que não seja assim,
Mas se for, saiba ser sem desesperar.
Desejo também que tenha amigos,
Que mesmo maus e inconseqüentes,
Sejam corajosos e fiéis,
E que pelo menos num deles
Você possa confiar sem duvidar.
E porque a vida é assim,
Desejo ainda que você tenha inimigos.
Nem muitos, nem poucos,
Mas na medida exata para que, algumas vezes,
Você se interpele a respeito
De suas próprias certezas.
E que entre eles, haja pelo menos um que seja justo,
Para que você não se sinta demasiado seguro.
Desejo depois que você seja útil,
Mas não insubstituível.
E que nos maus momentos,
Quando não restar mais nada,
Essa utilidade seja suficiente para manter você de pé.
Desejo ainda que você seja tolerante,
Não com os que erram pouco, porque isso é fácil,
Mas com os que erram muito e irremediavelmente,
E que fazendo bom uso dessa tolerância,
Você sirva de exemplo aos outros.
Desejo que você, sendo jovem,
Não amadureça depressa demais,
E que sendo maduro, não insista em rejuvenescer
E que sendo velho, não se dedique ao desespero.
Porque cada idade tem o seu prazer e a sua dor e
É preciso deixar que eles escorram por entre nós.
Desejo por sinal que você seja triste,
Não o ano todo, mas apenas um dia.
Mas que nesse dia descubra
Que o riso diário é bom,
O riso habitual é insosso e o riso constante é insano.
Desejo que você descubra ,
Com o máximo de urgência,
Acima e a respeito de tudo, que existem oprimidos,
Injustiçados e infelizes, e que estão à sua volta.
Desejo ainda que você afague um gato,
Alimente um cuco e ouça o joão-de-barro
Erguer triunfante o seu canto matinal
Porque, assim, você sesentirá bem por nada.
Desejo também que você plante uma semente,
Por mais minúscula que seja,
E acompanhe o seu crescimento,
Para que você saiba de quantas
Muitas vidas é feita uma árvore.
Desejo, outrossim, que você tenha dinheiro,
Porque é preciso ser prático.
Eque pelo menos uma vez por ano
Coloque um pouco dele
Na sua frente e diga `Isso é meu`,
Só para que fique bem claro quem é o dono dequem.
Desejo também que nenhum de seus afetos morra,
Por ele e por você,
Mas que se morrer, você possa chorar
Sem se lamentar esofrer sem se culpar.
Desejo por fim que você sendo homem,
Tenha uma boa mulher,
E que sendo mulher,
Tenha um bom homem
Eque se amem hoje, amanhã e nos dias seguintes,
E quando estiverem exaustos e sorridentes,
Ainda haja amor para recomeçar.
E se tudo isso acontecer,
Não tenho mais nada a te desejar.
Vitor Hugo
imagem: Sonja Valentina

24 Comments:

. intemporal . said...

.

. com amizade,,, .

. desejo um ano de 2____0____1____0 .

. a ser o ventre da serenidade .





. sempre,,, .




. paulo .

.

Anónimo said...

Eu também lhe desejo isso e muito mais.
Leigo

Claudia Sousa Dias said...

obrigada!

desejo o mesmo para ti.


excepto uma coisa:inimigos.

para mim são sempre dispensáveis, justos ou não.


beijo grande querida amiga.


csd

Bípede Falante said...

Perfeito, Marta!

hg said...

Obrigada, Marta! Um excelente Ano 2010. Beijinhos

TERESA SANTOS said...

Que bom seria que se cumprissem estes desejos de Vitor Hugo!...
Abraço e bom 2010.

Eduardo Trindade said...

Querida amiga, feliz Ano Novo! Tudo de bom para ti também!
Abraços!

Maggie said...

Adorei este poema, Marta, e a mensagem que deixaste no meu blog! Um Ano de 2010 muito feliz para ti, com saúde, amor e sucesso... e esta imensa energia positiva que transmites neste blog onde, como dizes "há vida"

Bjs grandes, amiga virtual, mas bem real

Rita said...

Excelente trabalho este blog.

keep up *

Sergio Storino said...

Marta,
Feliz Ano Novo!
Um 2010 cheio de boas surpresas!
Beijo

Paula said...

Feliz 2010!

expressodalinha said...

TUDO DE BOM. BOM 2010.

Ana said...

Querida Marta,

Desconhecia o poema e pasmei quando vi o autor.
Bem sei que a tradução é brasileira mas o geito é bem mais o de Vinícius... Eu teria jurado que era dele...

Desejo-te tudo isso e muito mais, o que não é pouco.
E, tirava a parte dos inimigos, pois acho que toda a gente passava melhor sem eles...

Um 2010 MUITO, MUITO FELIZ, Marta!

Beijinho grande

Dalaila said...

Um feliz ano minha linda, Adoro-te sempre

.Leonardo B. said...

E porque as coisas bonitas acontecem sem planos, a nossa amizade aconteceu, Marta!

Não resisto a partilhar, uma mensagem “urgente” que a Amiga Rejane me enviou; partilhá-la é o mínimo que posso fazer, possa ou não ser “prematura”, tamanha declaração:

“Depois de uma séria e cautelosa consideração, gostaria de notificar a renovação do nosso CONTRATO DE AMIZADE, para o ano de 2010 e seguintes…

“Nunca desvalorize ninguém…
Coloque cada pessoa perto do seu coração
Porque um dia você pode acordar
E perceber que perdeu um diamante
Enquanto estava muito ocupado a coleccionar pedras”

[Mande este abraço para todos os que você não quer perder em 2010, adverte-me a Amiga Rejane: é meu dever, minha tão grande obrigação…]

Um imenso abraço

Leonardo B.

Um imenso carinho, com tudo o que a vida conte, incondicionalmente

Pedro Lopes said...

Marta, obrigado
tb um feliz 2010
com TUDO feliz
:-) (é da hora adiantada, só me dá para pedir emprestado e trocar a ordem :-) )
e parabéns pelo conto no i :-)

polittikus said...

DESEJO-TE UM 2010 COM MUITO AMOR E MUITA PAZ. Adorei o poema...

Woman Once a Bird said...

Um grande, grande ano para ti, minha querida.

sonja valentina said...

querida Marta, que 2010 te traga abundância e momentos de felicidade.
e muita inspiração para que este "cantinho" continue e ser um lugar cheio de vida!
feliz ano novo!!!!

Zaclis Veiga said...

Lindo minha querida. Só posso te desejar o mesmo.
beijos

Luísa said...

Feliz ano novo!
Que a nova década, novo ano e novos tempos se apresentem recheados de sucesso!
Beijinho com umolhardeperto

alice said...

um bom ano, marta. espero visitar-te mais a partir de agora ;) um beijinho.

Gi said...

Um MMX cheio de saúde, Marta.

Marta said...

como diz ali o amigo LeoNardo,

um imenso abraço :) a todos.