sexta-feira, março 8

Marginal



« Hoje decidi que vou continuar a caminhar por aqui fora e a confundir -me com tudo o que for natural, com algumas aves, com esses fios de nuvens que percorrem todo o céu e lhe conferem um tom de certezas; vou confundir -me na pele de certos marinheiros, desses que gritaram e choraram e imploraram pela clemência divina e que não foram ouvidos, tal como eu, e aqui estou, ó povos deste mar, destas lonjuras tão próximas, aqui estou ó tempestades, ventos e desnortes que vos quero mais que a vida! É este o meu retrato, não o meu negativo mas a minha fotografi a: descalça no paredão, o cão que me acompanha rente aos joelhos, imperturbável e amigo, as línguas de fora, a minha e a dele, uma mais comprida que outra, e trotamos, trotamos não como cão e pessoa mas como qualquer outro animal que, no fundo, está aqui sempre presente.»


Cristina Carvalho, Marginal, Editorial Planeta, 2013, pp.83-84

Fonte: focussocial

0 Comments: