quarta-feira, janeiro 28

BEM-VINDOS

Escrevo em blogs desde 2004. Fui muitas Marias. Autênticas. Maria Heli, Maria Aqui.
Fui até Sleep Well! E fui tão feliz!
Assinei sempre com pseudónimo. Apesar de gostar muito do meu nome.
Mas, na realidade, fui sempre eu.
Agora, este, é o primeiro poste assinado com o nome que a minha mãe me deu.
Parece que, graças ao título do blog, (obrigada, Edu, pela inspiração) chegou a hora!
Ao que li, Marta, significa senhora em aramaico;
outros, dizem que significa senhora da casa!
Pois...
bem-vindos a casa - virtual - é certo, mas uma casa-planeta, uma casa de campo ou de praia, tanto faz! Será uma casa à qual virei sempre que possa, que isto de alimentar um blog, diariamente, tem o que se lhe diga. De qualquer forma...
Bem-vindos... mesmo que eu não tenha chegado a tempo e horas de vos receber!
Fiquem à vontade, diz aqui a senhora da casa-planeta onde, por hora, chove!
Mas água é VIDA:)

8 Comments:

Dalaila said...

AH! já se comenta por aqui.... A primeira, eu, eu, é de grande responsabilidade... mas como sabes minha amiga serei uma seguidora de toda a vida que andará por aqui.

Quanto ao nome, Marta, só posso dizer que a tua casa é o teu coração, sem compartimentos e com muito espaço.

Eu gostava de todas as tuas outras, de ti gosto sempre, e de ti aqui gostarei mais.

Eduarda said...

Eu sempre soube que havia - há - vida em Marta. Aliás, nas certezas, eu sou muito parecida com um senhor que nunca tem duvidas...mas engano-me. E uma das vezes, foi quando assumi que não deixava comentários em blogs. A outra, foi quando abri este teu espaço e pensei: vou ser a primeira a deixar um comentário! E tantas outras vezes que não cabem neste espaço (hi!hi!hi!)... um dia destes começo a escrever com K e coisas assim. E já ponho sorrisos :)
Por ti, minha Marta. Por ti, que és vida em cada palavra, em cada sorriso, em cada rolo de carne, em cada cheesecake que nunca provei em tua casa, mas que já fizeste um enorme à minha irmã...e eu não estou com ciúmes (grggrgrg), mas também gosto de cheesecake em tua casa e conheci-te primeiro! em cada tudo...
Há vida em Marta. Pois há. E as nossas vidas ficam mais martadas...
Por aqui andarei, a ler-te, a sorrir-te nas entrelinhas. A sorrir contigo. Minha alma...
E um dia, vou escrever um comentário tão grande como aquele que me escreveste quando fui para Cuba e que me deixou de olhos-mar colada ao computador e com uma fila enorme atrás de mim a rogar-me pragas... OBRIGADA pela vida em Marta.

(e agora tenho que escrever uma palavra estranha para validar isto?!)

Edu

Anónimo said...

Das muitas que possas ser, não há nenhuma que não seja verdadeiramente o que tu és!

Inqualificável em toda a tua beleza!

Nefertiti said...

Eu adoro o teu canto.

Woman Once a Bird said...

Minha querida, ainda bem que estás de volta. :)
Beijinhos

g said...

Há vida em Marta? eu quero mudar para esse planeta. Há muito que eu sabia que tu eras grande, brilhante, capaz de alimentar com os teus doces olhos estes seres que te adoram.Viva MARTA!
Eu estive aqui!
Graça

Claudia Sousa Dias said...

que delícia de planeta.

como todos os teus blogue, irresistível este.

mais ainda, porque é mesmo a tua cara.

assumidíssima.


Adoro, adoro, adoro!!!


CSD

Bandida said...

vim pelo link da MRF. acredito no bom gosto dela. e vou continuar a acreditar. excelente blogue!!

boa sorte !