quarta-feira, dezembro 26

porque sim



[ Dona Canô RIP]

1 Comment:

João Menéres said...

Em Setembro de 2012, estive na casa de D.Canô, em Santo Amaro.
Conheci esse terreiro por onde a casa se desmultiplica.
A D. Canô, embora já muito debililitada, mantinha-se perfeitamente lúcida.
Conheci o seu filho Rodrigo que a apoiava em permanência.
Fiz-lhe várias fotos.

Que Deus lhe dê o eterno descanso.